Conhecer São Paulo sem gastar nada – Saiba quando e onde aproveitar atrações culturais gratuitas na cidade

#ParaTodosverem: Hall principal do Teatro Municipal, em mármore e vitrais. Os caminhos guiados por tapetes vermelhos. Programação do Teatro Municipal é uma das opções. Foto: Tiago Queiroz/Estadão

Se você é de São Paulo ou não, mas nem sempre tem tempo os as dicas de lugares diferentes ou legais para conhecer sem gastar nada, se programe: diversas atrações pagas da cidade têm um dia com entrada gratuita. Confira uma seleção de dicas culturais para aproveitar (e não gastar).

Redação Divirta-se, por Humberto Abdo, Júlia Corrêa e Renato Vieira

SEGUNDA-FEIRA

+ Toda segunda-feira, às 19h, o Sesc Consolação abre espaço para apresentações gratuitas de várias vertentes da música instrumental, no projeto Instrumental Sesc Brasil. Criada em 2007, a Orquestra de Berimbaus do Morro do Querosene interpreta toques de capoeira nesta 2ª (17), sob regência de Mestre Dinho Nascimento. Além do berimbau, o grupo incorpora em seu som instrumentos como pandeiro, agogô e pífano. O violeiro mato-grossense João Ormond é a atração do dia 24/6. Passando por chamamés e guarânias, ele apresenta releituras de clássicos como ‘Menino da Porteira’ e ‘Comitiva Esperança’, acompanhado de Fábio Porte (violão) e Cássio Soares (percuteria). Teatro Anchieta (280 lug.). R. Dr. Vila Nova, 245, 3234-3000. 2ª, 19h. Grátis (retirar ingresso 1h antes).

TERÇA-FEIRA

+ Para entrar no Masp, que atualmente recebe exposições de Tarsila do Amaral e Lina Bo Bardi, é preciso desembolsar R$ 40. Mas, às terças-feiras, o museu tem entrada gratuita. Principalmente nesse dia é bom se planejar e chegar cedo, já que as filas para acessar a mostra da consagrada pintora brasileira têm sido longas – tanto é que os horários de funcionamento foram estendidos até o fim do período expositivo, em 28/7. Até lá, também será exibida, a partir de hoje (14), ‘Comodato Masp Landmann – Têxteis Pré-colombianos’, que reúne mais de uma centena de tecidos (foto) produzidos na região do Peru e da Bolívia entre 800 a.C. e 1.532, destacando a produção das mulheres andinas. Av. Paulista, 1.578, metrô Trianon-Masp, 3149-5959. 3ª, 10h/20h. Grátis.

#PraTodosVerem: Masp-NASCA-HUARI-530-650.-TECIDO.-LÃ-ALGODÃO-E-PIGMENTO-71-×-85-CM

+ Embaixo da arquibancada do estádio do Pacaembu, o Museu do Futebol resgata a história do esporte por meio de recursos multimídia e interativos, com imagens, personagens e narrações. Lá, às terças-feiras, todos entram de graça (nos demais dias, o ingresso sai por R$ 15). Uma novidade é a mostra ‘Contra-ataque! As Mulheres do Futebol’, em cartaz até 20/10, que traz um panorama da Copa do Mundo feminina e da trajetória das atletas, com vídeos, fotos e objetos pessoais. Aliás, todos os jogos dessa competição serão exibidos por ali – nesta 3ª (18), às 16h, ainda é possível assistir à partida entre Brasil e Itália. Pça. Charles Miller, s/nº, Pacaembu, 3664-3848. 3ª, 9h/17h. Grátis.

MIS-Avatar-Family1 Foto: Andrew Thomas Huang

+ Além da gratuidade às terças-feiras (nos demais dias, R$ 30), o MIS abre, nesta 3ª (18), ‘Björk Digital’ (foto), que usa realidade virtual para exibir imagens poéticas (foto) de músicas da islandesa. “Arte e tecnologia sempre estiveram presentes em sua carreira, mas, com a mostra, ela busca novas formas de interagir com o público”, diz a produtora Clarice Philigret. Av. Europa, 158, Jd. Europa, 2117-4777. 3ª, 10h/20h. Grátis.

+ Ali, as excursões escolares são frequentes. Mas o local pode agradar a toda a família. Normalmente, visitar o Catavento sai por R$ 10, exceto às terças-feiras. No museu, há diversas instalações interativas sobre ciências, divididas em categorias como ‘Universo’, ‘Vida’ e ‘Sociedade’ – dá até para conhecer o corpo humano por dentro. Av. Mercúrio, s/nº, Pq. D. Pedro II, 3315-0051. 3ª, 9h/17h. Grátis.

QUARTA-FEIRA

Theatro-Municipal-de-São-Paulo_Foto-Florence-Zyad-2 Foto: Florence Zyad

+ No meio da semana, no finzinho da tarde, o Quartas Musicais leva sempre o trabalho de grupos artístico-pedagógicos do Teatro Municipal (foto) para seu Salão Nobre. No dia 26/6, por exemplo, alunos de Marta Vidigal, da escola de música da instituição, interpretam obras de compositores como Brahms, Mozart e Radamés Gnattali. Na próxima 4ª (19), excepcionalmente, não haverá Programação. Teatro Municipal. Salão Nobre. Pça. Ramos de Azevedo, s/nº, Centro, 3053-2090. 4ª, 18h. Grátis (retirar ingresso 1h antes).

Fachada Sesc Pompéia Foto: Gustavo Ramos

+ Voltado ao público da terceira idade, o projeto Segue o Baile leva shows dançantes e gratuitos ao Sesc Pompeia (foto), nas tardes de quarta-feira. Com mais de 25 anos de carreira, a cantora Graça Cunha divide a apresentação desta 4ª (19) com o cantor e percussionista chileno Pedro la Colina e a banda Gafieira Latina. O repertório privilegia ritmos brasileiros, como o samba, além de salsa e outras sonoridades caribenhas. Sesc Pompeia. Comedoria (800 lug.). R. Clélia, 93, 3871-7700. 4ª, 16h30. Grátis (retirar ingresso 1h antes).

SÁBADO

Museu Ema Klabin Foto: Gabriela Biló/Estadão

+ Seja para conhecer a vasta coleção de arte ou aproveitar o agradável jardim da casa, a Fundação Ema Klabin (foto) é boa opção para os fins de semana e feriados, quando tem entrada gratuita (de 4ª a 6ª, custa R$ 10). Além de exibir cinco gravuras de Rembrandt, o espaço recebe, até 30/6, uma obra do jovem artista francês Romain Dumesnil, posta em diálogo com ‘Torre de Babel’, de um seguidor não identificado de Bruegel, pertencente ao acervo. R. Portugal, 43, Jd. Europa, 3897-3232.

Sáb., dom. e fer. 14h/18h. Grátis.

+ Em vez de pagar os R$ 6 usuais, sábado é dia de entrar grátis no Museu Afro Brasil. Até 1º/9, ‘A Cidade da Bahia, das Baianas e dos Baianos Também’ ressalta exemplos modernistas (com nomes como Rubem Valentim) e expressões locais da arte barroca (de pintores como Joaquim da Rocha). Dedicada a São Paulo, outra mostra traz, até 7/7, 500 itens, de pinturas a objetos cotidianos, que revelam as mudanças da cidade. Pq. Ibirapuera. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 10, 3320-8900. Sáb. 10h/18h. Grátis.

Foto: Museu de Arte Moderna

+ Para incentivar a visita dos muitos frequentadores que o Parque Ibirapuera recebe neste dia, o MAM (foto) tem sempre entrada livre aos sábados. E mais: algumas mostras, como as em cartaz até 28/7, têm gratuidade todos os dias. ‘Passado/ Futuro/Presente’ reúne contemporâneos como Adriana Varejão e Tunga; e ‘Os Anos em que Vivemos em Perigo’ traz o clima político e social dos anos 1960. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 3, 5085-1300. Sáb., 10h/18h. Grátis.

+ Além de mostras como ‘Alex Wollner Brasil: Design Visual’, que reúne, até 25/8, peças originais e entrevistas do consagrado designer gráfico brasileiro, vale aproveitar outras atrações culturais do Museu da Casa Brasileira. Gratuito não só aos sábados mas também aos domingos, recebe shows e lançamentos de livros – como o de ‘São Paulo e Suas Casas’, sábado (15), às 14h. Av. Brig. Faria Lima, 2.705, Jd. Paulistano, 3032-3727. Sáb., dom. e fer., 10h/18h. Grátis.

Pinacoteca – Expo de Ernesto Neto Foto: Tiago Queiroz / Estadão

+ Além do vasto acervo de arte brasileira mantido pela Pinacoteca, vale aproveitar a gratuidade aos sábados para visitar, até 15/7, as 60 obras que o museu exibe de Ernesto Neto. Entre as grandes instalações imersivas do artista, feitas a partir de técnicas como o crochê, destaque para ‘Cura Bra Cura Té’ (foto), que está instalada no espaço Octógono do histórico edifício. Pça. da Luz, 2, Luz, 3324-1000. Sáb., 10h/18h. Grátis.

DOMINGO

Sala São Paulo – Foto: Mariana Garcia

+ A série Matinais leva concertos gratuitos à Sala São Paulo (foto), todo domingo de manhã. É preciso planejamento, pois os ingressos são disputados – e distribuídos a partir das 10h da segunda-feira anterior ao evento, pelo site (www.salasaopaulo.art.br) ou na bilheteria. O deste domingo (16), com o Coro da Osesp, está esgotado. Mas programe-se: dia 23/6 tem Orquestra Juvenil Heliópolis; e, em 30/6, Orquestra Jovem Tom Jobim. Sala São Paulo (1.484 lug.). Pça. Júlio Prestes, 16, Luz, 3367-9500. Dom., 11h. Grátis.

+ O CineClubinho promove sessões gratuitas voltadas ao público infantojuvenil, todo domingo de manhã, no Cinesesc, com títulos nacionais e estrangeiros. Neste domingo (16), às 11h, tem ‘Corda Bamba – História de uma Menina Equilibrista’, de Eduardo Goldenstein. No enredo, Maria é uma menina criada no circo que, após mudar para a cidade grande, passa a ter dificuldade de se lembrar do passado. R. Augusta, 2.075, Cerqueira César, 3087-0500. Dom., 11h. Grátis (retirar ingresso 1h antes).

Fonte: https://cultura.estadao.com.br/blogs/divirta-se/sao-paulo-sem-gastar-nada-como-e-onde-aproveitar-atracoes-culturais-gratuitas-na-cidade/?fbclid=IwAR2KQvm2ye5M5mVf3Jljqex8xLGzB8P5RSxeT63PE-_eYZ28_sZ5YBx8AkA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 5 =